O QUE FAZER COM OS DESENHOS DO SEU FILHO?

  • Compartilhe:

Eu sou mãe de três pequenos artistas que produzem uma quantidade infinita de obras-de-arte, o que eu amo! Acho que uma das delícias de ser mãe é justamente ganhar esses desenhos feitos com tanto carinho.

Fui guardando todos os trabalhinhos em caixas, daquelas plásticas enormes, mas chegou uma hora que eu já não tinha mais espaço e precisava fazer alguma coisa.

O que fazer com os desenhos dos meus filhos?

Precisava achar uma solução boa, porque eu não podia simplesmente jogar fora a minha coleção de arte mais preciosa. Pesquisando achei algumas opções para conseguir guardar para a posteridade todos os desenhos e trabalhos de arte dos pequenos. Separei aqui as opções que mais gostei:

 

 

1) APP ARTKIVE

Esse é um aplicativo gratuito desenvolvido por um pai geeky. Vocês já devem conhecer essa história… ele tinha duas filhas que produziam uma quantidade sem fim de desenhos e trabalhos de arte e se sentia culpado em jogá-los no lixo. (#AHistoriaDaMinhaVida)

Então, ele criou esse app, cuja ideia principal é digitalizar as imagens dos trabalhos de arte das crianças e subir tudo para uma nuvem segura. O aplicativo é fácil de usar e você pode adicionar mais crianças e organizar os desenhos por idade (uma maravilha para pais com mais filhos, como eu).

É possível tirar a foto do desenho diretamente ou usar as imagens da biblioteca do seu celular. É possível incluir grupos de compartilhamento (Sabe aquele desenho especial que a gente quer mostrar para a família toda?) Além disso, é possível incluir a data do desenho (o que eu acho muito útil, porque parte da graça de ver os desenhos antigos é saber com quantos anos a criança estava quando fez o desenho).

A grande novidade do app é o Concierge (perfeito se você está sem tempo), porque ele faz todo o serviço: desde a digitalização de todos os desenhos escolhidos por você até a montagem de um livro de capa dura. O máximo, não?! O pacote inicial custa $39.

 

2)  APP ART MY KID MADE

Esse app é gratuito e bem similar ao ART KIVE, porém mais simples, não existe a opção Concierge, por exemplo. É possível compartilhar os desenhos digitalizados através do Facebok, Twitter e o blog do app. Você pode ter um back up das imagens pelo Evernote ou Dropbox. Também é possível editar as imagens e incluir efeitos, o que pode deixar o desenho ainda mais legal.

 

3) DIY.ORG

 

Esse site é uma comunidade online para as crianças descobrirem suas paixões. Ele também acaba tendo como função armazenar os desenhos, mas o seu principal foco é o compartilhamento dos trabalhos. Dessa forma, o aplicativo foi desenvolvido para que as próprias crianças acessem e postem seus desenhos, sem a ajuda de um adulto. Ou seja, esse app é voltado para crianças maiores que já podem acessar internet. De qualquer maneira, no meu ponto-de-vista, como esse aplicativo envolve o combo: crianças + internet, é necessário a supervisão de um adulto para evitar qualquer problema futuro.

 

4) JU.NA

Quando eu conheci o trabalho da Ju.na fiquei completamnete encantada! Ela também é mãe e também sofria com o mesmo problema: o acúmulo de desenhos lindos da filha. Seu trabalho é diferente, os desenhos guardados ganham vida sob um novo olhar, criado a partir de técnica mista (recorte, colagem e pintura). Tudo começa com a descoberta dos desenhos, escolha, composição e intervenção utilizando diferentes técnicas. Cada quadro customizado reflete a beleza e a individualidade da arte de cada criança.

A grande diferença dos aplicativos é que os trabalhos das crianças viram obras-de-arte que ficarão expostas, penduradas na sua casa. Toda criança é um artista, o problema é como manter-se artista depois de crescido!”, já dizia Picasso. Eu acho que não existe maneira melhor de incentivar o artista que existe em cada um do que ter seus trabalhos expostos pela casa, não é verdade?

Eu tenho uns palitos de sorvete decorados que ganhei da Bella que significam muito pra mim e não vejo a hora de mandar tudo para a Ju.na! Só preciso de um tempinho para separar dentre as centenas de trabalhos que tenho guardado, os mais especiais e pronto! (Eu até já falei com ela e vamos fazer um vídeo mostrando o passo-a-passo do processo, ok?)

 

5) PASTAS DIGITAIS

Por último, a opção mais simples de todas, mas que também funciona: tirar foto dos desenhos e guardar numa pasta no seu computador, celular, tablet… O importante é separar as imagens dos trabalhos das crianças das demais fotos (caso contrário, você nunca mais vai achar os desenhos no meio de milhares de fotos de viagens, selfies…). Essa solução, porém não permite que você coloque a data do desenho, mas uma ideia é abrir uma pasta por ano, dessa forma, você vai saber conseguir saber a idade. Essa solução definitivamnete requer mais organização, mas funciona super bem.

 

Bom, espero que as dicas tenham te ajudado, assim como me ajudaram. Porque o desenho dos nosso filhos é muito especial para ficar trancado dentro de um armário, né?!

Bjs,

LALÁ

Newsletter

  • Compartilhe:

Comente